Notas Técnicas

Ementa: Dispõe acerca do sigilo profissional do Serviço Social no âmbito da atuação na assistência estudantil, em instituições federais, com base na realidade catarinense.

Leia a Orientação Técnica emitida pelo CRESS 12ª Região clicando no link abaixo:

ORIENTAÇÃO TÉCNICA CRESS/SC 01.2019

Conselho Regional de Serviço Social – CRESS 12ª Região


Nota Técnica COFI Nº001/2016

Nota Técnica sobre o exercício profissional de Assistentes Sociais e as exigências para a execução do Depoimento Especial

Leia a Nota Técnica emitida pelo CFESS clicando no link abaixo:

Exercício profissional de assistentes sociais e as exigências para a execução do Depoimento Especial

Autoria: conselheiras do CFESS Tânia Diniz e Daniela Moller – Gestão É de batalhas que se vive a vida! (2017-2020)


Nota Técnica COFI Nº001/2016

Dispõe sobre a análise acerca da realização de entrevistas, no âmbito do exercício profissional do Serviço Social, por meio de
videoconferência.


Ofício Circular 030/2017

Prezado/a Assistente Social,

Informamos que no mês de Julho/2017, o CRESS 12ª Região, enquanto AÇÃO POLÍTICA, remeteu a todos/as os/as Prefeitos/as Municipais dos municípios de Santa Catarina o Ofício Circular nº 030/2017, o qual dispõe sobre a jornada de trabalho e remuneração dos/as Assistentes Sociais.

O documento em tela segue, anexo, com vistas ao fortalecimento de ações locais em torno dos temas pautados.

Permanecemos à disposição para quaisquer esclarecimentos!

Ofício Circ. 030.2017 – Orientação acerca da jornada de trabalho e recomendação de remuneração.

 


 

ORIENTAÇÃO TÉCNICA Nº 01/2013

Ementa: Realização de estudo socioeconômico para a concessão de benefícios eventuais e outros benefícios sociais.
A presente Orientação Técnica tem por objetivo responder às questões que vem sendo demandadas ao Conselho Regional de Serviço Social – CRESS 12ª Região, sobre a possibilidade ou não de outras categorias profissionais, realizarem estudos socioeconômicos para a concessão de benefícios eventuais e outros benefícios sociais. Neste sentido, tecemos algumas considerações.

Leia a Orientação Técnica nº 01/2013